Aproveite  MAIS

Conteúdos EXCLUSIVOS

Um jeito diferente de olhar o mundo



As cores estão presentes na nossa vida. Elas estão em todas as coisas e lugares, mas sabia que algumas pessoas podem não enxergar as mesmas cores que conhecemos? Vamos falar hoje sobre o daltonismo e explicar o porque ocorre essa condição.

Como o nosso olho enxerga as cores?

Parece loucura, mas você sabia que as cores não estão em um objeto? Calma, eu explico. A luz branca carrega diversas cores, por isso, quando utilizamos um prisma, as cores são separadas e ficam visíveis para nós (o tão famoso arco-íris). Quando um objeto é iluminado, ele reflete apenas as cores que conseguimos enxergar.

Para ficar mais fácil de entender, vamos dar um exemplo: Você acorda, vai à cozinha e vê uma suculenta maçã em cima da mesa. A luz atinge a maçã e é refletida na direção dos nossos olhos. Lá dentro, na retina, algumas células (chamadas de cones e bastonetes) transmitem a informação ao nosso cérebro e... Bingo! Conseguimos identificar a cor como um vermelho rubi.

Tá, mas o que é daltonismo?

Como cada cérebro é único e pode identificar as cores de um modo diferente. Cada tipo de célula da retina é responsável por enxergar uma determinada cor: Vermelho. Verde e Azul. Entretanto, existe uma síndrome, chamada daltonismo, onde há uma falta de comunicação entre essas células, que identificam as cores e o cérebro, alterando a capacidade de percepção das pessoas.

Isso acontece devido a uma condição genética hereditária, ligada ao cromossomo X, atingindo em quase a sua totalidade, homens. As mulheres, por possuírem dois desses cromossomos, raramente sofrem deste distúrbio.

Tipos de daltonismo

Existem uma variedade de deficiências na visão de cores. A maioria das pessoas com daltonismo, possui a disfunção em apenas uma cor, porém há casos onde o indivíduo adquire mais tipos de condições. Vamos explicar algumas:

Protanopia

É a dificuldade em conseguir identificar a pigmentação vermelha. Geralmente, a pessoa que sofre dessa condição, enxerga tons de bege, marrom, verde ou cinza no lugar da cor primária.

Deuteratopia

É a síndrome que não permite que o cérebro possa identificar a coloração verde. Quando isso ocorre, o indivíduo enxerga a tonalidade marrom.

Tritanopia

É a diminuição ou ausência da percepção de diferentes tons de azul e amarelo. Quando alguém sofre com a tritanopia, a retina identifica essas cores como tons rosados.

Monocromacia

É a famosa visão preto e branco. Ela ocorre devido à falta de cones, mas é extremamente raro acontecer em humanos, atingindo apenas cerca de 0,003% da população mundial.

Diagnóstico e tratamento

O diagnóstico do daltonismo é realizado por um médico oftalmologista. Ele pode ser feito através de três métodos diferentes:

l Anamaloscópio de Nagel: É um exame onde o paciente tem o seu campo visual iluminado por diversas cores monocromáticas (amarelas, verdes e vermelhas) e precisa igualar os campos, através da intensidade das cores;

l Iãs de Holmgreen: Uma técnica onde a pessoa precisa separar pequenos fios de lãs de diversas cores;

l Teste de cor de Ishihara: O mais tradicional e conhecido. Nele, o indivíduo é apresentado a uma série de cartões que possui pequenos pontilhados com coloração diferente, onde ele precisa identificar o número que está ao centro do cartão.

Por ser uma condição genética, não existe uma cura para o daltonismo e nem um tratamento específico, porém, existem algumas ferramentas que podem proporcionar ao daltônico uma melhor qualidade de vida, como os óculos com lentes de filtro de cor.

Um daltônico pode viver uma vida normal?

Sim! As formas mais leves de daltonismo não interferem tanto ao ponto de prejudicar a vida de uma pessoa que sofre dessa síndrome. Ela poderá tirar carteira de motorista, e não é um empecilho na alfabetização de crianças, porém essa condição deve ser levada em consideração caso o daltônico queira seguir determinada profissão, como designer, por exemplo.

Viu como outras pessoas podem enxergar o mundo de uma forma totalmente diferente da nossa? Por isso, é muito importante contar com uma empresa que é autoridade em cores e impressões. Conte com os serviços da WL Impressões e traga mais qualidade aos seus produtos.

wl-sitebanner-conhe%C3%A7anossosservi%C3

Somos MAIS

que uma Gráfica

Máquinas de Ultima Geração

Impressos em Alta Qualidade

Impressão de Baixa e Alta tiragem

Orçamentos Rápidos e Personalizados

Precisa com Urgência? Orçamento com seu Impresso Pronto em até 3h

Download de Gabaritos Grátis

Atendimento Personalizado e Especializado

12 anos de Tradição

Pagamento Facilitado

Distribuição para todo Brasil

Criamos, imprimimos e enviamos seu material com dados variáveis

Impressão Digital e Offset

©2020 por WL Impressões

comercial4@wlimpressoes.com.br - Telefone: (41) 3032-7800

Gráfica WL Impressões

Avenida Padre Natal Pigato, nº 700 - Vila Bancária

Campo Largo - Paraná

CEP: 83.601-630

Tel: (41) 3032-7800

Ver mais lojas

Detalhes

Nossa História
Contato

Envios e Retornos
Política da Loja
FAQ

 

Receba dicas e ofertas

Junte-se a nós!

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Youtube Branco
  • Ícone do Instagram Branco
  • Instagram ícone social
  • Facebook ícone social
  • YouTube