Como funciona a Serigrafia?


A impressão em tela, é um processo de impressão baseado em estêncil no qual a tinta é forçada através de uma tela fina para o substrato abaixo dela. A tela é originalmente feita de seda, por isso os nomes de origem seri (seda) e grafia (escrita ou pintura). A palavra serigrafia pode ser usada como sinônimo de tela, mas geralmente é usada para imprimir itens produzidos em massa, como camisetas, pôsteres e xícaras. Hoje, os tecidos são feitos de poliéster ou náilon finamente trançado.


Esta é uma técnica de impressão muito versátil que permite obter vários resultados. Por exemplo, os tons sutis que têm as características da aquarela e a densidade e riqueza das pinturas produzidas a óleo.





O processo de Impressão


O processo de impressão envolve derramar tinta através de uma tela pré-preparada, pressionando um rodo ou puxador de papel. A serigrafia é esticada em uma moldura feita de madeira, alumínio ou aço.


A matriz é gravada por um processo fotossensível, onde é preparada com uma emulsão fotosensível e é colocada em um fotolito, sendo posteriormente colocada em uma mesa de luz.


As manchas escuras do fotolito correspondem aos locais da tela que serão vazados, permitindo que a tinta passe pelo tecido do tecido. Os pontos brilhantes (a luz vai passar pelo fotolito e atingir a emulsão) são impermeabilizados endurecendo a emulsão fotossensível exposta à luz.


Para cada cor de impressão, uma matriz é usada para produzir impressões com densidade de cor, saturação e textura excelentes.


Tecnologias da Serigrafia


Segundo o site norte-americano Serigraph, os principais países que utilizam a tecnologia do silk screen são Estados Unidos, México e Índia. Recursos técnicos, bem como treinamento químico e profissional (como especialistas em tintas e engenheiros) são particularmente importantes para apoiar e garantir que as especificações de projeto exigidas sejam atendidas.


A responsabilidade do designer é auxiliar os clientes no desenvolvimento de layouts de alto impacto e soluções específicas de serigrafia para dar vida a produtos e marcas, permitindo-lhes usar camadas de tinta espessas e ter a maior tela impressa do mundo.


Tipos de Serigrafia


É um processo de impressão que se difere totalmente dos comuns (digital e offset) e dentro da Serigrafia existem quatro tipos que se diferenciam bastante também. São eles:


Serigrafia Manual


É a técnica mais antiga e ainda a mais utilizada, para a estampagem manual são necessários os seguintes passos:


  1. Adicionar a peça que será gravada em uma determinada base;

  2. Dispor de forma uniforme a moldura na tela que será estampada, garantindo que a peça não fique enrugada atrapalhando o design;

  3. Aplicar e espalhar a tinta por todo o tecido com o auxílio de uma espátula, fazendo pressão para que a tinta chegue até o material que será serigrafado;

  4. Retirar o excesso de tinta;

  5. Utilizar uma ferramenta de secagem para que o silk seque de forma mais rápida.


Serigrafia Automática


Apesar de ser intitulado como automático, ainda precisa do trabalho humano para ser realizado. Esse processo funciona da seguinte forma:


  1. Colocar a peça na máquina de forma correta;

  2. A máquina abaixa automaticamente e realiza a estampagem;

  3. Aguardar o tempo de secagem do produto.


Serigrafia Circular


É o processo realizado por meio de rolos e prensas rotativas, utilizado principalmente para a impressão de objetos cilíndricos (canecas, copos). Essa impressão funciona da seguinte forma:


  1. É preciso obter um fotolito;

  2. A arte é gravada na tela que será impressa;

  3. A tela gravada é colocada por cima da tela que será impressa;

  4. A tinta é aplicada e espalhada sobre a tela;

  5. A tinta irá passar pelas zonas abertas do material, fazendo com que a estampa aconteça.


Serigrafia Devoradora


É o tipo que são utilizados somente tecidos de poliéster ou algodão. O processo tem esse nome por conta da base de tinta de ácido sulfúrico que “devora” o algodão e cria uma transparência na peça.



O processo é indicado para produção em massa como, por exemplo, camisetas, canecas e cartazes.



Impressões World Laser


Aqui na WL Impressões, somos especialistas em impressão digital e offset e além disso, podemos criar sua arte. Como podemos linkar esses dois processos?


Em um evento, por exemplo, a demanda de materiais impressos como flyers e folders é alta. Nós podemos produzir esses impressos e você aproveita a mesma arte dos materiais para produzir as serigrafias do seu evento.



Glossário:


Estêncil: Um estêncil é uma técnica usada para aplicar um desenho ou ilustração que pode representar um número, letra, símbolo tipográfico ou qualquer outra forma ou imagem figurativa ou abstrata.


Fotolito: É um filme transparente que serve como matriz para impressão de qualquer material gráfico. É utilizado a mídia intermediária entre a finalização (arte final) e o impresso, geralmente em offset.


36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo