Aproveite  MAIS

Conteúdos EXCLUSIVOS

  • News Exitoinf

Conheça mais sobre a psicologia das cores

Você já se perguntou por que a muitas marcas do ramo alimentício utilizam as cores vermelhas na sua identidade visual? Ou por que algumas cores nos passam sensações como tranquilidade e paz? Isso tem relação com a psicologia das cores, uma ferramenta muito presente em campanhas de marketing.


Conheça agora um pouco mais sobre essa área do neuromarketing e saiba como aplicá-la nos seus materiais, lendo esse super artigo!




Como surgiu a psicologia das cores?


Tudo começou em 1810, quando o poeta alemão Johann Wolfgang Von Goethe publicou o livro “Teoria das Cores”. Esse livro influenciou foi o primeiro estudo de como as cores influenciam no emocional e inspirou diversos artistas que começaram a usar aideologia em suas obras, como Joseph Mallord William Turner, um dos precursores do impressionismo.


Séculos depois, a socióloga Eva Heller realizou uma pesquisa para dar prosseguimento a esse estudo, fazendo uma análise comportamental de voluntários. Nela, foram levantadas informações como as tonalidades favoritas, as menos apreciadas, e associações de cores com palavras.


A partir desse estudo, Heller descobriu padrões gravados no nosso inconsciente (psicológicos e culturais) que permitiam analisar as cores e associá-las as sensações e sentimentos.


Significado das cores


Segundo esses estudos, cada cor tem um determinado significado para o nosso inconsciente, como a possibilidade de tonalidades serem capazes de ter efeito tranquilizante ou nos deixar em estado de alerta. A partir dessas pesquisas, vamos apresentar para você o significado das cores mais utilizadas:


Vermelho


O vermelho pode remeter a paixão e sedução, mas tambem pode representar emoções fortes, como raiva ou nervosismo. Essa cor é muito utilizada por marcas relacionadas a alimentos.


Azul


É oposto ao vermelho, pois remete ao equilíbrio, harmonia e tecnologia. Muitas empresas de tecnologia utilizam o azul em suas identidades visuais.


Rosa


O rosa pode representar a inocência e o romantismo (quando apresentado nas tonalidades mais suaves) ou a modernidade e inovação (quando apresentada em tons mais fortes). Na publicidade, é muito usada em campanhas de produtos voltados ao público feminino.


Amarelo


É a cor do otimismo e do sol. O amarelo é associado ao acolhimento, a renovação de energias e a sinais de advertência. Marcas com personalidade alegre utilizam as suas tonalidades nas suas logomarcas.