Aproveite  MAIS

Conteúdos EXCLUSIVOS

Diferenças entre papel reciclado e reciclato

Com as mudanças climáticas causadas pelo aquecimento global, muitos consumidores se conscientizaram da importância da preservação do meio ambiente. Uma alternativa ecológica para evitar o desmatamento e freiar esse processo, é a reciclagem de papel.


Esse processo dá origem a dois materiais: O reciclato e o reciclado. Apesar da semelhança no nome, ambos possuem algumas distinções, como a composição e a sua funcionalidade. Para explicar melhor sobre essas diferenças criamos esse super artigo. Confira!



Reutilização de materiais: A natureza agradece


A reciclagem é um grande aliado de empresas que visam a sustentabilidade. A reutilização de materiais pode diminuir consideravelmente a produção de lixo nas indústrias.


Um dos materiais mais reciclados no mundo é o papel. Ao reutilizar 1 tonelada de desse produto, conseguimos salvar 22 árvores, economizamos de cerca de 75% energia elétrica na sua produção e emitimos 74% menos poluentes na atmosfera.


Por isso, vamos falar sobre os produtos mais comuns, produzidos a partir da reutilização da reciclagem de papel:


Papel Reciclato


É confeccionado a partir de sobras de materiais de fábricas (cerca de 75%) e papel já utilizado, como papelão (cerca de 25% correspondendo ao material vindo da coleta urbana). Muito utilizado para a impressão de materiais gráficos como folhas timbradas, envelopes, blocos de anotações, flyers e folders.


Papel Reciclado


Produzido 100% a partir do descarte de papéis já usados, o papel reciclado tem aspecto rústico e áspero e é muito utilizado na confecção de caixas, embalagens e papelão


Como é feito a produção desses papeis


Apesar das diferenças, o processo de produção do papel reciclado e reciclato é o mesmo (que geralmente aprendemos na escola). Vamos explicar o passo a passo de como eles são confeccionados:


  • O papel chega à indústria, onde ele será triado e classificado;

  • Aqueles que serão reciclados são triturados e colocados de molho para “amolecer” as fibras;

  • Após isso, acontece a depuração, onde o papel é peneirado por diversos tamanhos de peneiras;

  • Com temperaturas de 50ºC e 125ºC , os contaminantes são dissolvidos na etapa de dispersão ainda presentes;

  • Os vestígios de tinta presentes nas fibras são removidos a partir do processo de destintagem;

  • Após esse processo, a pasta composta pelas fibras passa pela mesa formadora, é prensado para definir a gramatura do papel passa pelos rolos secadores até ser destinado para a finalidade escolhida


Curiosidades sobre a reciclagem de papel


A reciclagem de papel é cercado por mitos. Para esclarecer essas dúvidas, vamos trazer algumas curiosidades dessa atividade:


Porque o papel reciclato não é branco?


Atualmente no Brasil, o papel reciclado e reciclato não ficam brancos. Isso acontece porque o processo de branqueamento pode ser altamente prejudicial para a natureza, devido ao grande uso de materiais químicos que, se forem descartados de forma incorreta, podem liberar poluentes ao meio ambiente


Amassar o papel, inutiliza a sua reciclagem?


Existe um mito que se um papel é amassado, ele não pode mais ser reciclado, porém isso não é verdade. Quando fazemos as famosas “bolinhas de papel”, as fibras ficam danificadas, perdendo um pouco da resistência que elas possuem.


Isso faz com que o processo de amolecimento dessas fibras seja mais trabalhoso, fazendo com que mais componentes químicos e energia sejam utilizados durante a reciclagem. Por isso, o indicado é rasgar o papel ao invés de amassar.


Quantas vezes é possível reciclar um papel?


Um papel só pode ser reciclado de 5 a 7 vezes. Isso acontece porque a reciclagem desse material é realizada através do reaproveitamentos das fibras de celulose. Conforme o ele é reaproveitado, as fibras se degradam, sendo necessária a utilização de pasta de papel virgem para a sua substituição.


Reciclado ou Reciclato. Qual escolher?


Quando comparamos ambos os materiais, sempre há um questionamento de qual é o mais indicado para a minha empresa. Algo muito importante para se levar em consideração é o impresso a ser produzido.


Para a confecção de embalagens e caixas de transporte, o reciclado é uma ótima pedida. Agora, quando será produzido materiais para divulgação (como flyers, folders e panfletos, por exemplo), o mais indicado é o reciclato, pois ele é mais puro, suave e apresentável.





Na hora de escolher esse tipo de material para em ações de marketing da sua empresa, é preciso levar em consideração a qualidade do material. Por isso, faça as suas impressões com uma empresa que é expert em materiais de comunicação. Clique aqui e solicite um orçamento com a WL Impressões!


Confira mais conteúdos e curiosidades acessando o nosso blog e nos seguindo nas redes sociais!

2 visualizações0 comentário
wl-sitebanner-conhe%C3%A7anossosservi%C3

Somos MAIS

que uma Gráfica

Máquinas de Última Geração

Impressos em Alta Qualidade

Impressão de Baixa e Alta tiragem

Orçamentos Rápidos e Personalizados

Precisa com Urgência? Orçamento com seu Impresso Pronto em até 3h

Download de Gabaritos Grátis

Atendimento Personalizado e Especializado

14 anos de Tradição

Pagamento Facilitado

Distribuição para todo Brasil

Criamos, imprimimos e enviamos seu material com dados variáveis

Impressão Digital e Offset

©2020 por WL Impressões

comercial4@wlimpressoes.com.br - Telefone: (41) 3032-7800

Gráfica WL Impressões

Avenida Padre Natal Pigato, nº 700 - Vila Bancária

Campo Largo - Paraná

CEP: 83.601-630

Tel: (41) 3032-7800

Ver mais lojas

Detalhes

Contato

Envios e Retornos
Política da Loja
FAQ

 

Receba dicas e ofertas

Junte-se a nós!

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Youtube Branco
  • Ícone do Instagram Branco
  • Instagram ícone social
  • Facebook ícone social
  • YouTube